No âmbito da disciplina de Cidadania e Desenvolvimento e do Programa de Capacitação Juvenil da Câmara Municipal de Cascais, a turma do 8.º ano participou no projeto “ReciClaro”,que decorreu em duas sessões. Dirigido a escolas do 3.º ciclo do Ensino Básico, este projeto pretende sensibilizar os jovens do município de Cascais para o problema do plástico descartável nos oceanos – tendo por base o trabalho realizado pelo Movimento Claro, uma associação juvenil sediada em Cascais -, levando-os a realizar workshops inovadores na área da sustentabilidade. Com efeito, além de se realizar uma sensibilização aos jovens para a redução do uso indiscriminado do plástico descartável, promovem-se ainda práticas amigas do ambiente, através de um processo de upcycling dos resíduos plásticos, com recurso a um conjunto de máquinas Precious Plastic.

Assim, na primeira sessão, que teve lugar no dia 13 de janeiro, os alunos ficaram a conhecer melhor o papel dos oceanos no nosso ecossistema e o perigo da poluição do plástico, tendo ainda sido elucidados sobre o aquecimento global e as suas repercussões na vida na Terra. Nesta sessão de índole mais teórico, ficaram igualmente a par da situação atual reciclagem do plástico em Portugal e a nível internacional, assim como o modo correto de separação e reciclagem do mesmo.
Na segunda sessão, já prática – e que decorreu no dia 10 de fevereiro -, a turma foi dividida em três grupos. Assim, enquanto alguns alunos criavam objetos com as máquinas Precious Plastic e outros realizavam um jogo pedagógico (“Quem quer ser Milionário?”) sobre os conteúdos abordados na sessão teórica, os restantes preparavam um guião para a realização de um breve vídeo sobre a importância da redução do uso do plástico descartável no nosso quotidiano.

Tratou-se, sem dúvida, de um projeto muito pertinente e interessante, que permitiu aos alunos da turma do 8.º ano trabalharem, em sala de aula, o tema da educação ambiental de um modo diferente e inovador.

bastudio

Author bastudio

More posts by bastudio